segunda-feira, 28 de março de 2011

Startup Entrevista - Ewiks

Produza, publique e venda seus próprios cursos na internet!

O forte crescimento da internet nos últimos anos tem levado os empreendedores a pensar nos mais diversos modelos de negócio e dos mais inovadores. Além de transferirem os serviços que hoje são offline para um modelo virtual, passaram a inovar a ponto de criar modelos ainda mais diferentes que não poderiam ser executados sem o uso massivo da internet. Dentre esses modelos novos estão os diversos formatos de serviço de e-learning (serviços educacionais via internet).

Recentemente, entrevistei José Rodolpho Bernardoni, jovem empreendedor, fundador do Ewiks.Confira abaixo algumas lições e dicas sobre a história desse novo negócio.

Empreendedorismo de impacto social

Uma das coisas mais claras para mim durante a entrevista é a paixão e a ânsia por disseminação de seu negócio dentre os produtores de conteúdo.

O Ewiks é uma plataforma web criada para facilitar a criação, publicação e venda de materiais educacionais. Por meio dela o usuário pode criar uma apostila, uma apresentação ou um vídeo educacional de sua área de conhecimento e publicá-la na internet, ficando assim disponibilizada para que qualquer pessoa que queira, compre este material, fazendo com que o produtor do conteúdo consiga uma renda extra sem precisar recorrer a uma editora para publicar materiais de sua autoria.

Apresentada a atividade do Ewiks, basta dizer que o principal objetivo e desafio de José Rodolpho Bernardoni é conseguir montar um negócio lucrativo para ele, mas principalmente para seus usuários, que podem ser desde professores de universidades até um pequeno fazendeiro da região norte que ensina como gerenciar melhor uma fazenda.

Execução do negócio

A idéia para o Ewiks surgiu em meados de 2008 e seu projeto foi um dos finalistas do Desafio Brasil da FGV (Fundação Getúlio Vargas), contudo, devido a escassez de recursos (financeiros e temporais), José Rodolpho e Leonardo, os dois sócios idealizadores só começaram a executar o projeto no início de 2010.

Muitos empreendedores pensam que é fácil tomar a decisão de abandonar um emprego fixo numa empresa e sair empreendendo, porém os fundadores do Ewiks, antes de abandonarem seus empregos para empreender, eles deixaram o projeto bem redondo e começaram a testar a recepção do mercado, apresentando o conceito em eventos como TechCrunch50 e falando com possíveis investidores.

Foi somente em março de 2010, após uma sinalização aparentemente positiva de um grupo de Angel Investors, que José Rodolpho decidiu utilizar o que ele e o sócio tinham de recursos e passou a trabalhar tempo integral no Ewiks.

Mesmo sem saber se conseguiriam o investimento eles arriscaram e depois de seis meses sem resposta alguma dos possíveis investidores, veio a confirmação de que assinariam os papéis para receberem o aporte de recursos em setembro de 2010, “coincidentemente” o mesmo mês em que se esgotariam os recursos que aplicaram inicialmente.

Após a capitalização

Hoje, aproximadamente seis meses depois José Rodolpho diz que, mesmo que seu sócio ainda não possa se dedicar tempo integral ao negócio, já possui uma equipe de seis pessoas e na busca por mais dois desenvolvedores.

Mas o que ele percebe é que a capacidade de gerenciamento dele aumentou bastante, a organização das atividades da empresa se tornaram mais eficientes, graças as exigências do Conselho por relatórios de controle mais específicos e as metas estão sendo definidas e buscadas mais claramente.

Sugestão de leitura

Desde a idéia do projeto até a sua execução atual, José Rodolpho Bernardoni diz que ainda vem aperfeiçoando o modelo de negócio. Sua sugestão deixada foi o livro Business Model Generation (clique para download da prévia ou veja mais abaixo), que aparentemente não temos em português.

Este livro apresenta de forma bem instrutiva e intuitiva passos para o entendimento, o desenvolvimento, a construção, a implementação e a melhoria de um modelo de negócios eficiente.

Além do fato de possuir muitos infográficos e mapas intuitivos para um planejamento prático, outra aspecto interessante do livro, é que ele foi escrito em co-creation, ou seja, colaborativamente criado, por mais de 470 pessoas de mais de 45 países.


1 comentários:

Bom dia, gostaria de indicar o http://www.learncafe.com, um site para publicação de cursos online cuja idéia surgiu em 2005.

Postar um comentário

Compartilhe conosco sua experiência empreendedora ou envie-nos suas dúvidas e sugestões.

Se você tem vergonha de seu comentário ou de sua idéia, por que acha que nós nos orgulharíamos em publicá-la? Então, por favor, não seja anônimo.

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More