domingo, 20 de fevereiro de 2011

Startup - O que é?

Startups ou start-ups, este termo vindo da língua inglesa nos remete ao seu significado como atividade inicial ou ação de iniciar (tradução livre para efeito didático). Levando este termo para o mundo empreendedor podemos colocá-lo como um adjetivo para um empresa embrionária ou jovem, que ainda está numa fase em que o risco envolvido no negócio é altíssimo, mas que vai trabalhar com um produto/serviço que é aparentemente altamente escalável, ou seja, possui uma expectativa de crescimento muito grande.

A fase startup de uma empresa também é aquela na qual se começa a reduzir o risco técnico e operacional, devido a sua colocação de práticas previamente planejadas em ação e onde já se possui pelo menos um protótipo do produto a se vender ou onde os passos iniciais já foram tomados. Além disso, é nessa fase das empresas que se começa a verificar entradas de caixa e maior possibilidade de capitalização para expansão do negócio, através principalmente dos chamados business angels ou "anjos investidores" e os fundos de Venture Capital.

Esse título, startup, foi herdado da explosão das ponto-com (.com) e passou a ser dado principalmente para empresas recém-criadas e normalmente de base tecnológica, sendo ainda indispensável um espírito empreendedor dentro dessa nova organização e uma constante busca por um modelo de negócio inovador. Modelo de negócio, de forma resumida, é a forma como uma empresa cria valor para seus clientes e gera um lucro sustentável a longo prazo para seus acionistas.

O termo startup está bastante associado a projetos inovadores, normalmente criados por empreendedores criativos e as vezes de alto impacto na sociedade, fazendo mais com menos e ainda podendo gerar muitos benefícios externos na sociedade como um todo.

Como exemplos de startups temos o próprio 
Google, que hoje fatura bilhões, bem como FacebookTwitter (cujo modelo de negócio só começou a tomar forma publicamente em meados de 2010 e a gigante Apple. No Brasil ainda temos como exemplos Peixe Urbano, que em 2010 se tornou a sensação da compra coletiva no Brasil, o MoIP, empresa de tecnologia financeira para pagamentos via internet (similar ao Pay-Pal, outra startup), BuscaPé e até mesmo a desenvolvedora de jogos sociais Vostu entra nessa onda, sendo parcialmente brasileira. Além disso, não se iluda em pensar que as startups são apenas empresas da internet, mas são empresas como a MobWise, que desenvolve soluções tecnológicas para o serviço de trafego e geolocalização das cidades.

0 comentários:

Postar um comentário

Compartilhe conosco sua experiência empreendedora ou envie-nos suas dúvidas e sugestões.

Se você tem vergonha de seu comentário ou de sua idéia, por que acha que nós nos orgulharíamos em publicá-la? Então, por favor, não seja anônimo.

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More